Enquete

Qual sua percpectiva para o ano de 2017?

O que é EMATER-MG ???

A EMATER de Minas

A Associação de Crédito e Assistência Rural - ACAR, fundada em 1948, foi a primeira experiência brasileira direcionada para a introdução de novas técnicas de agricultura e economia doméstica, de incentivo à organização e de aproximação do conhecimento gerado nos centros de ensino e de pesquisa aos produtores rurais. Essa Associação, que tinha como símbolo o jipe, possuía equipes de trabalho em municípios de Minas Gerais, que prestavam assistência técnica aos agricultores que a solicitassem.

Em 1974 o serviço de extensão coordenado pela ABCAR foi estatizado, com a criação da Empresa Brasileira de Assistência Técnica e Extensão Rural - EMBRATER, responsável pela coordenação de todas as Emateres, empresas públicas estaduais vinculadas às Secretarias de Agricultura dos Estados, criadas em substituição às ACARES.

A EMATER-MG foi criada em 1975, ao mesmo tempo em que era extinta a ACAR, com o objetivo de planejar, coordenar e executar programas de assistência técnica e extensão rural, buscando difundir conhecimentos de natureza técnica, econômica e social, para aumento da produção e produtividade agrícolas e melhoria das condições de vida no meio rural do Estado de Minas Gerais, de acordo com as políticas de ação do Governo estadual e federal.

Entretanto, com a crise econômica iniciada em 1979 e a consequente redução de recursos, aconteceram mudanças com relação ao público atendido. A assistência técnica se volta para pequenos e médios produtores e produção de alimentos básicos. A responsabilidade de assistir os grandes produtores foi direcionada para as empresas privadas de assistência técnica.

Em 1990, com a extinção da EMBRATER, a coordenação do Sistema passa para a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA, em seguida para a Associação Brasileira das Empresas de Assistência Técnica e Extensão Rural - ASBRAER e, recentemente, para o Ministério do Desenvolvimento e Reforma Agrária - MDA.

Ainda na década de 90, como forma de sobreviver em meio à turbulência, a EMATER-MG passa por um processo de modernização, incorporando a visão de foco no cliente e nos resultados desejados, definindo sua missão e objetivos estratégicos. Além disso, oferece serviços aos médios e grandes produtores, com o objetivo de gerar recursos adicionais, para ampliar e melhorar o atendimento aos produtores rurais de agricultura familiar.

A partir de 2003 a EMATER-MG começa a consolidar a sua atuação como Empresa de Desenvolvimento Sustentável, tendo um papel destacado na construção e implementação de políticas públicas.

A EMATER-MG atua como um dos principais instrumentos do Governo de Minas Gerais para a ação operacional e de planejamento no setor agrícola do Estado, especialmente para desenvolver ações de extensão rural junto aos produtores de agricultura familiar. Constitui área específica de atuação o território mineiro, buscando resultados como a melhoria da qualidade de vida e condições de produção dos produtores de agricultura familiar, a inclusão social de grupos e comunidades rurais, por meio de programas geradores de emprego e renda, e as ações de organização rural para o desenvolvimento com sustentabilidade e atendimento aos direitos de cidadania.

O apoio à agricultura familiar é consequência de uma política estratégica para garantir segurança alimentar e nutricional, proporcionar a inclusão social de grupos marginalizados e permitir o desenvolvimento sustentado de toda a sociedade mineira. Para tanto a EMATER-MG desenvolve suas ações em parceria e de forma integrada com o Sistema Operacional da Agricultura de Minas Gerais; os produtores rurais, suas formas associativas e suas entidades de classe; as diversas organizações e empresas do setor privado e público; e, especialmente, com o Poder Público Municipal.

Atividades

A EMATER-MG, desde 1948, presta assistência técnica e extensão rural ao Estado de Minas Gerais, trabalhando, com compromisso e seriedade, nas áreas de agropecuária, bem-estar social, recursos naturais, meio ambiente, abastecimento e mercado, desenvolvendo os seguintes serviços:

  • Assistência técnica aos produtores rurais de agricultura familiar, suas famílias e suas organizações, nas atividades de agricultura, pecuária, indústria caseira de alimentos, artesanato, habitação, alimentação e nutrição, saneamento e preservação ambiental.

  • Assessoria aos produtores rurais de agricultura familiar e suas organizações para a aquisição de insumos e venda da produção, em comum. 

  • Assessoria às organizações de produtores rurais de agricultura familiar, para promover a sua participação na condução de programas e projetos de desenvolvimento social e econômico. 

  • Elaboração de planos e projetos para propriedades e comunidades rurais, bem como a participação na sua implantação.

  • Promoção de eventos agropecuários, tais como: feiras, leilões, concursos de produtividade, campanhas educativas, exposições agropecuárias e de artesanato. 

  • Participação no planejamento e na implantação de Programas Regionais e ou Municipais de Agropecuária, Abastecimento e de Desenvolvimento Rural. 

  • Elaboração de projetos e prestação de assistência técnica na área de preservação ambiental, envolvendo a recuperação de áreas degradadas, a conservação do solo e da água, bem como a proteção da flora e da fauna, em sub-bacias hidrográficas.

  • Elaboração de projetos e assistência técnica nas áreas de irrigação e drenagem. 

  • Assessoria na organização e operação de patrulhas motomecanizadas e unidades de beneficiamento da produção, de uso coletivo. 

  • Orientação na organização da produção, na classificação e embalagem dos produtos e prestação de informação de mercado. 

  • Organização e assessoria na implantação e funcionamento de feiras livres e outros equipamentos de mercado voltados para o abastecimento municipal e regional. 

  • Assistência técnica a médios e grandes produtores rurais e a outros contratantes de serviços nos diversos campos da exploração agropecuária e de desenvolvimento rural.

Compromisso com os mineiros

A EMATER-MG trabalha com determinação, criatividade e inovação, para garantir segurança alimentar e nutricional, emprego e renda a mais de 300 mil famílias assistidas nos 785 municípios mineiros onde atua. O nosso compromisso é melhorar, a cada dia, a qualidade de vida dos mineiros e das mineiras.

Parceiros

A EMATER-MG faz-se presente nos municípios mineiros, por meio de efetiva parceria com as Prefeituras Municipais, estabelecida em convênio. Além disso, as Prefeituras disponibilizam instalações e equipamentos para a montagem de um escritório local e fornecem parte do recurso financeiro, utilizado no desenvolvimento das atividades. Até o momento, a Empresa atende 785 municípios, representando 92% dos 853 existentes no Estado.

Desta forma, a parceria da EMATER-MG com prefeituras municipais é fundamental para o desenvolvimento do serviço de assistência técnica e extensão rural, por possibilitar a aplicação das políticas agrícolas, tanto federais e estaduais, como municipais, de forma descentralizada, potencializando a agilidade e a eficiência no atendimento a seus principais clientes, que são os produtores rurais de agricultura familiar.

E, para melhor atender os municípios, a EMATER-MG diversificou e ampliou seus serviços, passando a atuar como uma agência de desenvolvimento, oferecendo um acervo de informações econômicas, políticas e de mercado, realidades municipais, conhecimentos e tecnologias imprescindíveis para planejar e executar planos de desenvolvimento sustentável municipal.

A maioria dos 853 municípios de Minas Gerais tem no agronegócio empresarial e familiar a principal base de sua economia. Portanto o complexo agropecuário é também um dos principais setores para investimentos em programas geradores de renda e emprego no Estado. Com o conhecimento adequado da realidade rural, a Empresa tem uma posição privilegiada para contribuir com os poderes constituídos e com toda a sociedade em trabalhos para o desenvolvimento sustentável dos municípios onde atua.

Neste aspecto, a EMATER-MG desempenha papel de fundamental importância, junto aos municípios, no que se refere à Lei Robin Hood - Produção de Alimentos. Esta lei tem sido objeto de grande interesse por parte das administrações municipais, no sentido de se capacitarem para melhor responder aos requisitos legais, dada a sua relevância como instrumento viabilizador da redução dos desequilíbrios regionais do Estado.

Clientes

  • Agricultores familiares e suas formas associativas.

  • Médios e grandes produtores rurais e outros contratantes de serviço.

  • Governo municipal.

  • Governo estadual e federal.

  • Sociedade.

Emater-MG - Mais Benefícios para a sociedade

Vivemos um novo tempo na Extensão Rural mineira, que prioriza o desenvolvimento sustentável, a melhoria da qualidade de vida dos mineiros e a valorização das pessoas. Para tanto a EMATER-MG retomou o seu Planejamento Estratégico, em sintonia com o Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI) do Governo de Minas Gerais e com a Política Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (PNATER), de forma participativa, por meio do Grupo de Desenvolvimento Estratégico (GDE), que representa todos os segmentos da Empresa e da agricultura mineira.

Nosso foco é a agricultura familiar, e trabalhamos via planejamento participativo, que busca a participação efetiva dos agricultores familiares na definição, no planejamento e na implementação de programas e projetos que visam à instauração da justiça e inclusão social, superando problemas e aproveitando oportunidades.

Esse grande passo contou com a mobilização de todas as forças da Empresa, por meio do "Choque de Gestão", que envolveu reestruturações internas em busca de otimizar recursos e a ação das pessoas, garantindo maior produtividade e mais benefícios para a sociedade.

Em função do nosso trabalho, estamos colaborando para:

  • Elevação do Índice de Desenvolvimento Humano - IDH dos municípios mineiros.

  • Abastecimento no Estado por meio da produção agropecuária.

  • Preservação ambiental e conservação dos recursos naturais.

  • Aumento da renda das famílias rurais.

  • Melhoria das condições de alimentação, saúde, saneamento e habitação no meio rural.

  • Aumento da arrecadação de impostos.

  • Redução dos desequilíbrios regionais.

  • Aumento de oportunidades de trabalho.

  • Redução do êxodo rural.

  • Contenção dos índices de violência urbana.

  • Organização dos produtores rurais em formas associativas.

  • Inclusão social.

  • Cidadania.

    Rodrigo Garcia Duarte/Engº. Agrônomo - Espec. Solos e Meio Ambiente/EMATER-MG/Palma 

Previsão do Tempo

                      

Quem está online

Temos 11 visitantes e Nenhum membro online